Um grupo de alunos do ISCSP fez um abaixo-assinado contra a contratação de Pedro Passos Coelho, para dar aulas de Economia e Administração Pública. Os alunos criticam o salário e questionam a capacidade do ex-primeiro-ministro em lecionar.

Segundo o Jornal de Negócios, que teve acesso ao texto, os alunos do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas entendem que a contratação do ex-primeiro-ministro é uma “afronta à transparência e à meritocracia”.

Defendem que é altamente questionável a capacidade de Passos Coelho para dar aulas a alunos com um grau académico superior, uma vez que nunca lecionou, nunca preparou uma tese nem teve um percurso académico minimamente relevante.

Os alunos consideram ainda obsceno o salário de professor catedrático que Passos Coelho vai receber.

Esta não é a primeira vez que os alunos do ISCSP protestam contra o ex-primeiro-ministro. Foi neste instituto que em 2013, o então chefe de Governo foi recebido com uma manifestação a pedir a sua demissão.

Fonte: Sic Noticias

Comentários Facebook